Sertanejo Edson revela que teve depressão após fim do casamento

O músico Edson conta que superou as crises cantando e avisa que já está em busca de um novo amor

“A decisão de separar foi minha e não pretendo retomar com o Hudson, nem me juntar a ninguém”, afirma o cantor
Foto: Divulgação

Mudar faz parte da nossa evolução pessoal, mas como dói! Que o diga o cantor Edson, que num prazo de um ano viu sua vida virar de ponta-cabeça.

Em janeiro ele se separou de sua mulher, Adriana Cadorini, com quem foi casado durante 13 anos. O rompimento aconteceu um ano depois que ele acabou a parceria com seu irmão Hudson, com quem cantava desde criança.

Nesta entrevista exclusiva, Edson fala destas transformações profundas, conta que teve depressão e anuncia: está pronto para se apaixonar de novo.

Acabou…
“Mais uma separação em minha vida… Mas eu e a Adriana estamos sempre em contato um com o outro, continuamos nos falando. É ela quem cuida da carreira dos meus filhos (Vítor & Vitória lançaram um CD em 2008).”

À procura
“Estou olhando para todos os lados, mas até agora não encontrei ninguém. As mulheres não me querem! Falam que sou muito safado! (risos). Mas não vamos entrar em detalhes!”

Depressão
“Já tive depressão três vezes. A primeira quando fiz sucesso e descobri que são pouquíssimos os amigos de verdade. A segunda aconteceu em um período em que eu estava trabalhando demais. O físico acabou atacando a mente. A terceira rolou quando eu e Hudson desfizemos a dupla (em dezembro de 2009). Superei a depressão sempre cantando, com o apoio dos fãs.”

Sertanejo Edson revela que teve depressão após fim do casamento

Edson & Hudson, em 2008:”Deixamos de ser dupla, mas continuaremos irmãos para sempre”
Foto: Reprodução Contigo!

O fim da dupla
“É pior que uma separação de marido e mulher, porque acabamos convivendo mais com aqueles com quem trabalhamos. Foi muito difícil… afinal estávamos há 18 anos cantando juntos. Nós começamos com 5 e 7 anos. Uma vida inteira. Eu e Hudson agora nos falamos pouco… Mas nossa relação é totalmente limpa. Deixamos de ser dupla, mas continuaremos irmãos para sempre.”

Brigas
“As pessoas perguntam se brigamos. Poxa, quantas vezes nós já não brigamos? Que atire a primeira pedra aquele que nunca brigou com o irmão. Mas o que nos separou, como dupla, foi o gosto musical. Meu som é sertanejo romântico e o Hudson acabou misturando demais a nossa música com o rock. Quando era só uma pimentinha no prato com arroz e feijão, era gostoso. Mas quando ficou ardido demais, aí estragou a comida e cada um seguiu seu caminho.”

Juntos de novo?
“Não se brinca com fã. Nós não vamos fazer nenhuma jogada de marketing ou enganar o público dizendo que a dupla vai voltar. A decisão de separar foi minha e não pretendo retomar com o Hudson, nem me juntar a ninguém. Eu me sinto muito capaz de fazer minha música sozinho. Mas se um dia eu tivesse que cantar com alguém, seria com ele.”

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s