Sete Dias com Marilyn: Michelle Williams interpreta uma semana na vida da diva

Filme "Sete Dias com Marilyn" relata a vida íntima de Marilyn Monroe, maior diva do cinema de todos os tempos

Michelle Williams é Marilyn Monroe em “Sete Dias com Marilyn”
Foto: Divulgação

No verão de 1956, a estrela americana Marilyn Monroe desembarcou na Inglaterra pela primeira vez para rodar “O Príncipe Encantado”, filme em que trabalhou com Sir Laurence Olivier. Nesse mesmo verão, o jovem Colin Clark, que sonhava ser diretor, trabalhou como auxiliar de produção do mesmo longa-metragem. Quarenta anos mais tarde, ele contou suas experiências durante os seis meses de filmagem num livro de memórias intitulado “The Prince, the Showgirl and Me”. Porém, ficou faltando uma semana no relato de Clark, e essa semana é revelada no filme “Sete Dias com Marilyn”, baseado no livro de memórias póstumas com o mesmo nome, que estreia nessa sexta-feira (27), nos cinemas de todo o Brasil.
 

Sete Dias com Marilyn: Michelle Williams interpreta uma semana na vida da diva

Michelle Williams é Marilyn Monroe e Eddie Redmayne é Colin Clark
Foto: Divulgação

Na trama, Clark, vivido por Eddie Redmayne, narra a verdadeira história de uma semana mágica que passou sozinho com a maior estrela do mundo: a semana em que conduziu a perturbada Marilyn, interpretada por Michelle Williams, num tour pela zona rural inglesa. A visão relatada por Clark oferece um vislumbre totalmente raro da verdadeira mulher por baixo da imagem de diva cuidadosamente cultivada por Monroe.

“Para muitas pessoas, Marilyn é mais uma imagem icônica do que uma atriz”, admite o diretor do longa-metragem, Simon Curtis. “As pessoas não viram os filmes dela tanto quanto viram seu retrato. Minha maneira de entrar nesse projeto foi apaixonar-me pela primeira vez das duas memórias de Colin Clark. Colin realmente teve essa semana tensa e eroticamente carregada com a mulher mais famosa do mundo, no auge da fama dela”, conta.

Houve apenas uma atriz que Curtis considerou para o papel icônico de Marilyn: Michelle Williams. “Sempre admirei o trabalho de Michelle e a considero absolutamente uma das mais refinadas atrizes de sua geração”, diz Curtis.

A atriz americana reconhece que ficou um pouco apreensiva sobre preencher o papel. “Céus, realmente fiquei. Como não ficar?”, confessa Michelle. Para ela, a oportunidade de interpretar Monroe também foi pessoalmente significativa. “Cresci com um pôster dela no meu quarto. Sempre estive mais interessada na Marilyn privada, contudo, e na Marilyn desprotegida – a Marilyn antes da ‘Marily'”.

Confira o trailer

 

Veja mais