Suzana Pires à CONTIGO!: “Por que vou ficar pensando em idade para qualquer coisa? Isso é passado”

Além de atuar, Suzana Pires escreve roteiros e acaba de fazer um samba-enredo para a Vila Isabel

Solteiríssima há dois meses, a atriz conta, no Real Gabinete Português de Leitura, no centro do Rio, que atualmente está imersa no trabalho de escritora
Foto: Marcos Pinto

“Se eu resolver casar de branco aos 50 anos, vou casar e pronto!”, ela afirma, e você não fica com nenhuma dúvida de que isso é verdade em se tratando da atriz Suzana Pires, 34, bem longe ainda da idade citada. Não que ela esteja pensando nisso exatamente agora, até porque terminou recentemente um namoro de um ano e oito meses com o empresário Diogo Sacco, 31. Mas foi assim que ela tomou uma atitude que definiu como corajosa ao colocar um ponto final em seu relacionamento. “Tem horas na vida que a gente tem de fazer uma opção. Crescemos muito juntos e foi uma história bonita, mas tinha o problema da distância”, contou para CONTIGO!. Diogo mora em São Paulo e Suzana no Rio de Janeiro. A amizade, ela garante, continua, mas os planos de casamento… “Cada vez mais a biologia e a medicina estão do nosso lado. Então por que vou ficar pensando em idade para casamento ou idade para filho ou idade para qualquer coisa? Isso é passado.”

Com Redford

Solteiríssima há dois meses, o que move a atriz atualmente é o trabalho, muito trabalho. Suzana está sempre se dividindo entre suas duas grandes paixões, a escrita e a interpretação. Dessa vez, não tem sido diferente. Mesmo com o fim da novela Flor do Caribe, na qual atuou e participou do grupo de roteiristas comandado pelo autor Walther Negrão, 71, ela já está com a agenda lotada. Sim, ela é uma atriz que está à frente das câmeras e à frente de um notebook, pensando em diálogos, histórias, personagens. Daí um de seus projetos de longas preferidos ser Casa Grande. O filme, do diretor Fellipe Barbosa, ainda em fase de roteiro, foi selecionado em 2008 para um laboratório no grande fomentador do cinema independente nos Estados Unidos, o Sundance Institute, um rancho nas montanhas de Utah comandado pelo ator e diretor Robert Redford, 77.

Suzana Pires à CONTIGO!: "Por que vou ficar pensando em idade para qualquer coisa? Isso é passado"

Atriz, escritora e agora até puxadora de samba, com letra que ela mesma escreveu
Foto: Marcos Pinto

Suzana, como uma das atrizes do longa, foi com o diretor para as chamadas “experimentações de roteiro” com Redford. “Você acredita que eu não tenho nenhuma foto com ele? Mas é que lá ele ficava tão natural, tão junto de todo mundo, que nem cabia pedir foto. Depois me arrependi. Até porque é a primeira coisa que me pedem quando conto essa experiência”, lembra, rindo. No filme ela faz Sonia, professora de francês e mãe de uma família classe alta que perde tudo – para sustentar a todos, ela passa a vender produtos de maquiagem. Casa Grande estreia em janeiro no próprio Sundance Film Festival.

Os outros dois longas são O Tempo e o Vento, do diretor Jayme Monjardim, que estreia dia 20 de setembro, e O Aprendiz de Samurai, que chega aos cinemas em novembro. Agora, para reforçar a veia de estudo no setor, Suzana está começando um workshop de atores na Globo, além de montar um blog para mulheres com dicas de empreendedorismo com muito bom humor e escrever a peça Elas São os Caras, que estreia no Rio no primeiro semestre de 2014. “Não saberia nunca viver sem trabalhar. Não diria que meu nome é ‘trabalho’, mas que preciso disso, é certo. É onde respiro. Acho que amar o que a gente faz é muito importante. Tenho essa sorte.”

E logo depois do workshop a atriz vai se dar o direito de uma rápida viagem de férias. “Preciso muito ficar uns dias em Nova York”, diz. Na volta, já tem marcado um compromisso inusitado: frequentar a quadra da escola de samba Vila Isabel, atual campeã carioca, para defender o samba-enredo composto por ela própria e mais três amigos. “Nunca imaginei isso. Mas recebi o convite e estou empolgadíssima. Eu estou até fazendo aulas de canto para ajudar a puxar o samba”, contou. O samba de Suzana, inspirado no enredo “Retratos de um Brasil Plural”, já é um dos finalistas ao Carnaval 2014. “As pessoas não sabem, mas frequento quadras das escolas de samba desde criança. Cresci indo à quadra da Estácio de Sá. Agora, realmente, escrever um samba é a primeira vez. Fiz questão de fazer uma coisa para a comunidade mesmo. Para todos cantarem juntos, ou melhor: para todos nós cantarmos juntos”, diverte-se ela.

ESTA ENTREVISTA FAZ PARTE DA EDIÇÃO 1983 DE CONTIGO!, NAS BANCAS A PARTIR DE 18/09/2013.

Suzana Pires à CONTIGO!: "Por que vou ficar pensando em idade para qualquer coisa? Isso é passado"

Quando não está interpretando, é quase certo encontrar Suzana em frente a um notebook, escrevendo
Foto: Marcos Pinto

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s