Yvone planeja a morte de Cadore

A vilã que, na verdade não é médica, decide eliminar o coroa para roubar Raul

Yvone
Foto: Rede Globo

Cadore (Elias Gleizer) está cada vez mais desconfiado do caráter de Yvone (Letícia Sabatella). E, sem querer, começa a ameaçá-la. Primeiro, o aposentado lhe pede para ver um exame do Raul (Alexandre Borges) e dar um parecer. A megera sai pela tangente, dizendo que não é sua especialidade. Cadore fica chateado, pois pensa que a atitude da morena é apenas por antipatia. Mal sabe ele que Yvone não é médica coisa nenhuma. Essa é apenas mais uma de suas mentiras. Mais tarde, com Raul já fora do hospital, Cadore tenta convencer o filho a fazer as pazes com o irmão, devolvendo o dinheiro da empresa. “Não duvido nada que você esteja sendo insuflado por essa mulher com quem se meteu, para fazer essas bobagens todas…”, diz o patriarca. Yvone, que a essa altura já voltou a se hospedar na mansão, escuta a conversa e não gosta nada da intromissão de Cadore. “Preciso tirar esse velho do caminho!”, fala consigo mesma. No dia seguinte, a víbora pergunta ao milionário se há algum problema e recebe uma resposta atravessada. Para quê? A megera decreta: “Esse eu vou ter de afastar!” A partir daí, Yvone começa a pensar numa forma de matar Cadore para poder dar o golpe em Raul, ficando com seu dinheiro, sem ninguém desconfiar.