Zac Efron fala sobre novo filme, Vizinhos, e assédio das fãs: ‘Fico lisonjeado, mas é esquisito’

O ator contou, com exclusividade à Contigo!, se é um bom vizinho e como lida com tanta atenção de suas admiradoras

Zac Efron fala sobre novo filme, Vizinhos, e assédio das fãs: 'Fico lisonjeado, mas é esquisito'

Zac Efron
Foto: Getty Images

Como é duro se livrar de uma imagem! Muita gente ainda enxerga Zac Efron, 26 anos, como aquele garoto que encantou as menininhas cantando e dançando em High School Musical. Mas lá se vão oito anos desde que o filme, produzido pelo Disney Channel, virou febre mundial.

Nos últimos tempos, o californiano vem tentado mostrar que não é apenas um rostinho bonito (para não dizer lindo) estrelando produções independentes, como Obsessão, de Lee Daniels, 54, em que Nicole Kidman, 46, faz xixi em seu personagem para curar uma queimadura de água viva, ou Parkland, de Peter Landesman, no papel de um jovem médico que atende o presidente John F. Kennedy baleado em Dallas.

Em Vizinhos, de Nicholas Stoller, 38, estreia desta quinta-feira (19), Efron arrisca-se numa comédia rasgada, interpretando o intenso líder de uma república que inferniza a vida de um casal (Seth Rogen, 32, e Rose Byrne, 34) com um bebê pequeno. Se na carreira as coisas estão caminhando, fora das telas ele tem enfrentado os problemas comuns para quem ficou famoso muito cedo: passou um tempo em uma clínica de reabilitação e envolveu-se numa briga numa área barra-pesada de Los Angeles.

Zac Efron como Teddy, em Vizinhos
Foto: Divulgação

O Seth Rogen falou que você é um ator dramático e teve certa dificuldade para entrar nesse papel cômico.
Acho que meu personagem, o Teddy, é muito intenso. Espero não ser nada parecido com ele! Então foi difícil encontrar alguma motivação para seu comportamento maluco. Fora que é duro contracenar com Seth, porque ele sempre está certo! Eu praticamente concordo com tudo o que ele fala em todos os filmes. Então, sim, precisei encontrar algo. E eu levei muito a sério!

Perdoaria seu melhor amigo que o traísse como no filme?
Jamais faria isso com um amigo.

Mas perdoaria?
Eu sou um cara que costuma perdoar (risos).

Sente a necessidade de lutar contra a imagem que têm de você?
Não sinto a necessidade de me livrar de nada, nem de mudar a percepção que as pessoas têm de mim. Como pessoa, como indivíduo, e, acho, como artista, gosto de tentar coisas novas.

Que tipo de vizinho você é?
Acho que sou bom vizinho. O ator Charlie Day é meu vizinho. Ele é incrível. Sempre fico de olho para ver se ele aparece para eu dizer oi. Porque o adoro. Sempre fico tentando dizer oi. Espero que ele não esteja de saco cheio. Hum… Talvez eu seja um mau vizinho (risos)!

É difícil acostumar-se com a atenção das garotas?
Amo meus fãs. Eu me sinto abençoado de ter fãs. Mas estou confuso com sua pergunta. Você quer saber como é ser apreciado pelas garotas (risos)?

Queria saber como lida com a atenção.
No sentido literal, é incrivelmente esquisito. Claro que você fica lisonjeado. Mas é muito estranho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s