Gigi Hadid é a prova: a tendência da bota branca não vai embora tão cedo

Além disso, a supermodelo apostou em outra obsessão do momento, o terno diferentão.

Nada contra os advogados, cada profissão tem seus códigos de vestimenta, mas já se foi a época na qual todos os ternos pareciam saídos de um escritório de advocacia. Nos últimos tempos, o “duas peças” cresceu, apareceu, virou um dos itens queridinhos no guarda-roupa de toda fashionista, e ganhou releituras mais modernas, em novas texturas, e beeem coloridas de marcas como Balenciaga, Prada, e Bottega Veneta.

Sempre atenta, Gigi Hadid foi fotografada nas ruas de Nova York no último domingo (21) com um desses exemplares e, apesar de já ser outono no Hemisfério Norte, o conjunto ombré em tons de azul e branco tinha todo uma cara de verão.

Presente na coleção resort 2020 da Oscar de la Renta, o terno gráfico também fazia lembrar outra grande tendência recente: o tie-dye.

Para completar a produção, a supermodelo optou por camisa fluida combinando, mini bag e botas brancas pontudinhas da Fendi, que comprovam que o acessório usado à exaustão nas últimas temporadas não não vai embora tão cedo.

Chique e divertida na medida certa.