Sabia que o 1º beijo homossexual da TV brasileira aconteceu em 1963?

Os beijos gays e lésbicos ainda são tabu na TV brasileira, mas se engana quem acha que o primeiro só foi acontecer recentemente.

As personagens Maura (Nanda Costa) e Selma (Carol Fazu), de “O Segundo Sol”, finalmente apareceram se beijando essa semana. Todo mundo já sabe que as duas são um casal na trama, mas o beijo nunca havia sido mostrado.

Foi apenas um selinho, mas o momento gerou comemoração nas redes sociais – e comentários de repúdio também, lógico. Beijos entre pessoas do mesmo sexo não são mais novidade na TV brasileira, mas a questão ainda é cercada de polêmica.

Muita gente acredita que o primeiro deles aconteceu em 2002, entre Rafaela (Alinne Moraes) e Clara (Paula Picarelli), em “Mulheres Apaixonadas”. Foi um selinho tímido durante a exibição de uma peça de teatro, mas já gerou comoção. Depois, o SBT resolveu ousar e apresentou um beijo intenso entre Giselle Tigre e Luciana Vendramini, na novela “Amor e Revolução”.

Isso só foi acontecer em 2011 e a Globo voltaria a quebrar o tabu em 2013, na novela “Em Família”. O beijo aconteceu entre Clara (Giovanna Antonelli) e Marina (Tainá Muller). De lá para cá, vários outros beijos homossexuais aconteceram nas novelas e, apesar de não chocarem mais, ainda geram comentários como “affff, agora tem isso em toda a novela”. Muitos brasileiros ainda não conseguem entender que as histórias de amor entre pessoas do mesmo sexo merecem ser contadas tanto quanto aquelas que envolvem um homem e uma mulher. 

E o que a grande maioria das pessoas não sabe é que o primeiro beijo gay da teledramaturgia brasileira aconteceu muito antes de 2002, foi em 1963. Isso mesmo: 55 anos atrás.

Esse marco histórico aconteceu na peça de teleteatro “A Calúnia”, exibida pela TV Tupi. Vida Alves Geórgia Gomide protagonizaram a cena, apenas 11 anos depois do primeiro beijo heterossexual da TV brasileira – dado entre Vida Alves (sim, a mesma atriz!) e Walter Forster.  

Na trama de “A Calúnia”, Vida e Geórgia interpretavam as diretoras de uma escola que viram pivôs de um escândalo. Uma das alunas espalha o boato de que as duas mulheres eram amantes e isso faz com que a escola fechasse as portas. Ao final, as duas percebem que realmente se amam e o beijo acontece. Apenas revolucionário!

 (TV Tupi/Reprodução)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s