6 benefícios das aulas de dança para sua saúde e seu bem-estar

Tonificação dos músculos, alívio do estresse e muito mais pode ser conquistado ao dançar zumba, balé, dança do ventre ou o ritmo que fizer sua cabeça.

Pode ser que neste momento você não seja adepta de nenhuma atividade física porque não goste do ambiente de academias cheias de aparelhos de musculação ou de equipamentos para crossfit. Ou, ainda, porque sua disciplina para caminhadas ou corridas diárias não seja das dez mais. Que tal, então, dar uma chance às aulas de dança?

“São aulas descontraídas, em que as alunas focam no ajuste do ritmo das músicas aos movimentos do corpo. Também noto que a maioria não está interessada em ter um corpo de músculos trincados, embora qualquer dança trabalhe pelo menos alguns grupos de músculos; a ideia é mexer o corpo enquanto se diverte”, conta a educadora física Andreia Moraes, que dá aulas de street dance em condomínios de São Paulo.

Com a ajuda de Andreia, de Ludmilla Marzano (especialista de Zumba) e de Anninha Martins (educadora física e bailarina, criadora do método Ballet Blend), listamos a seguir os seis principais benefícios que as aulas de dança podem trazer para sua vida, sejam elas de zumba, balé fit ou outras variações de balé, dança do ventre, street dance, funk, jazz ou o ritmo que fizer sua cabeça.

Aulas de dança tonificam os músculos

Ao mexerem o corpo com movimentos repetitivos, todos os tipos de danças trabalham algum grupo muscular. As aulas de Zumba, balé e street dance podem tonificar o corpo todo, as de dança do ventre focam mais em pernas, costas e quadris/cintura. Uma coisa é certa: depois de um tempo de dança frequente, você notará mudanças no seu corpo.

Dançar melhora a postura

Todas as danças trabalham os músculos das costas e requerem que as alunas olhem para a frente, com o rosto levantado. Resultado: a postura melhora muito no dia a dia, pois além de o corpo passar a suportar ficar ereto graças à musculatura mais firme, a forma de se posicionar corretamente se torna um hábito.

Calorias são queimadas quando você dança

Aulas de dança queimam, em média, 200 calorias por hora; a exceção fica com a Zumba, que pode chegar a queimar mil calorias em 60 minutos. É importante manter uma frequência e fazer suas aulas pelo menos uma vez por semana.

Todas as danças aliviam o estresse

Como qualquer atividade física, a dança aciona a produção de endorfina, dopamina e serotonina, os hormônios do prazer e da felicidade que se sobrepõem ao cortisol, o hormônio do estresse. Nos cinco primeiros minutos de aula já é possível se sentir mais calma e bem humorada.

Eleve a autoestima dançando

O controle do corpo e dos movimentos faz qualquer pessoa se sentir mais dona de si e se enxergar mais poderosa nos espelhos das aulas de dança. A autoestima vai lá para o alto!

Aulas de dança trabalham a sociabilização

São aulas coletivas compostas por alunas com pelo menos um interesse em comum – a própria modalidade de dança escolhida. Se ver progredindo junto com as colegas, ensaiar para apresentações externas e compartilhar informações sobre a dança – algo que viu na internet, um filme ou um programa de TV – são os ingredientes para a formação da “turma da dança”. Grandes amizades nascem em cursos de dança.

☆ Pedras, cristais e rituais de proteção: saiba como usar ☆