O que dizer e não dizer a alguém com câncer

Veja alguns comentários que nenhum sobrevivente da doença quer ouvir

Para quem recebeu um diagnóstico de câncer, o combate à doença ou o fato de ter sobrevivido a ela sem dúvida é uma parte muito importante de nossa identidade. Mas não somos apenas sobreviventes e nada mais. Somos humanos. Temos sentimentos. Infelizmente, quando chega a hora de ter aquela conversa íntima e às vezes incômoda que começa com “Tenho/tive câncer”, as reações podem ser várias. A maior parte do feedback será positivo e de apoio, mas alguns de nós, que não medimos as palavras, talvez tenhamos reações que magoam. Talvez seja porque essa conversa pode ser tão incômoda ou talvez porque você mesmo já encarou essa batalha, mas pode ser difícil saber o que dizer. Veja alguns comentários com os quais topei nos dez anos passados desde que tive câncer, comentários que eu garanto que nenhum sobrevivente da doença quer ouvir.

“Sinto muitíssimo”

As pessoas que enfrentam um câncer não precisam de pena. Todos nós desejamos que não tivesse acontecido, mas o fato de o câncer acontecer não é algo que possamos mudar ou controlar agora. O que podemos controlar é nossa atitude diante dele. O câncer não é algo a se lamentar -é uma ocasião para reagir com espírito de luta. Diga que você está conosco, que está lutando conosco. Diga que você acredita na nossa capacidade de superar o câncer, emocional e fisicamente. Diga que tem orgulho de nós, mas jamais diga que sente pena de nós.

“Você não poderia ter feito alguma coisa para prevenir a doença?”

Por mais absurdo possa soar, mais de uma pessoa já me disse que se eu tivesse me alimentado melhor, ser tivesse feito uma alimentação mais pura ou sem conservantes, talvez não tivesse contraído o câncer. Já me disseram que se eu tivesse orado mais, o câncer não teria acontecido. Talvez você ache essas razões totalmente válidas, mas elas não me ajudam em nada. Guarde suas opiniões para você e mantenha o tom positivo da conversa.

“Se tivesse acontecido comigo, eu não teria feito isso, aquilo ou aquilo outro”

Esse comentário tem dois aspectos: o primeiro é que as pessoas muitas vezes gostam de contar aos outros o que fariam se tivessem apenas um mês de vida pela frente. Elas gostam de fantasiar com as aventuras que teriam ousado viver e os lugares que teriam desejado conhecer. Adoro esse tipo de conversa, mas pergunto: “Então por que você não está partindo para essas aventuras todas?”

O segundo aspecto não é tão inspirador. O reverso da moeda são as pessoas que lhe dizem que não teriam escolhido o tratamento que você está seguindo ou teriam optado por nem sequer fazer quimioterapia. Essa reação não parece interessante – parece um insulto. Parece que você está criticando minhas opções pessoais, aquelas que mudaram e salvaram minha vida. A quimioterapia geralmente é uma equação de vida ou morte, não uma questão de opinião. Esse é mais um caso em que teria sido muito mais diplomático ficar calado.

Veja algumas frases e perguntas que as pessoas que combatem um câncer adorariam ouvir com mais frequência e que vão ajudar a levar a conversa da tristeza para o triunfo e a celebração.

“O que você aprendeu com a experiência?”

Nos últimos dez anos de remissão, posso contar nos dedos de uma mão o número de vezes que me perguntaram o que eu aprendi com o câncer. Mas é sem dúvida esse aspecto do combate ao câncer que me dá mais orgulho e que eu mais gosto de compartilhar, coisa que faço no meu blog HerAfter.com. O câncer lhe ensina sobre você mesmo, seus pontos fortes e fracos, seus sonhos, seus medos. Ele lhe revela toda a beleza da vida e transforma profundamente a relação que você tem com o momento presente. Ainda ouço com mais frequência a frase “eu queria que isso não tivesse acontecido com você”, mas minha resposta sempre é “sim, mas eu não quereria por nada abrir mão do que o câncer me ensinou”. Portanto, pergunte a nós! A gente adora compartilhar.

“Qual é sua relação com o câncer hoje?”

Essa pergunta vai revelar como vemos nosso diagnóstico hoje e até que ponto ele é uma parte importante de nossas vidas. Poderemos lhe dizer se temos orgulho dele, se temos raiva ou se não queremos falar disso depois desta conversa. Poderemos lhe contar as maneiras em que estamos ajudando outras pessoas que combatem a doença e como você poderia ajudar nossos esforços. E será nossa oportunidade de lhe dizer que ainda estamos combatendo o câncer de alguma maneira e como isso pode afetar nosso cotidiano (logo, como você pode respeitar nossas necessidades).

“Você é linda”

Qualquer feedback que você queira compartilhar, quer seja para dizer que gosta do nosso cabelo novo (ou de nossa falta de cabelo!) ou que acha a história inspiradora, conte-nos. É altamente animador ouvir que nossa luta e tudo pelo que passamos ajudaram a mudar a perspectiva de outra pessoa também.

“Fico tão feliz por você ter encarado essa batalha”

Fique feliz por nós! Fique feliz conosco! Conte-nos que está orgulhoso e feliz porque nós ficamos firmes e não deixamos o câncer nos derrotar! Essa é a maior vitória de todas.

Pode ser incrivelmente difícil se abrir com alguém e falar sobre a batalha contra o câncer, quer esteja acontecendo agora, quer tenha acontecido anos atrás. Se você tiver a oportunidade de ter essa conversa com alguém que enfrenta o câncer, a melhor coisa que pode fazer, sempre, é estar presente. Este momento e todos os outros não foram prometidos a nenhum de nós; quem sobreviveu ao câncer sabe disso melhor que ninguém. Esta conversa entre nós poderia não ter acontecido, mas lutamos arduamente para estarmos aqui. Curta o momento, viva-o conosco, esteja presente.

Ficar desperto e consciente do momento, aqui e agora conosco e com todo o mundo que você ama, é o maior presente que você pode dar.

Matéria publicada em Brasil Post.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s