Plásticas de mama

Conheça mais a fundo a mamoplastia e a mastopexia: duas cirurgias de mama

Saiba tudo sobre cirurgias de mama
Foto: Getty Images

O que é?

– A mastopexia é feita para reconstruir e redesenhar os bicos e os seios.

– A mamoplastia de aumento, com implante da prótese de silicone, é realizada para preencher, aumentar e firmar o volume das mamas.

Como é feita?

Plásticas de mama

Ilustração: Mauricio Melo

O cirurgião estabelecerá o tipo de corte baseado no tamanho e na flacidez dos seios. Há três tipos: no formato de I (foto 1), de L (foto 2) e de T invertido (foto 3). Todos os procedimentos deixam uma fina cicatriz em volta da auréola. A operação leva até três horas.

Recuperação

É possível voltar para casa no mesmo dia. Pode ser necessário usar um dreno. Não é permitido levantar os braços acima dos ombros nem dormir de lado ou de barriga nos primeiros 30 dias. Pegar peso, dirigir e fazer esforço, somente após 90 dias. É preciso usar um sutiã cirúrgico, sem costura e sem aro, por 60 dias.

Cicatriz

Assim como no procedimento anterior, todo cuidado com a cicatriz é pouco. As cicatrizes na mama, quando bem recuperadas, também ficam finas e claras. O preço é definido por cada médico.

Custo médio: de R$ 7 mil* a R$ 10 mil*.

Tipos de próteses de silicone

Plásticas de mama

Foto: Reprodução Revista CLÁUDIA

1. Gota
Recheada com um gel coeso na ponta para projetá-la, ela dá um aspecto natural à mama e é indicada para quem tem pouco tecido e não que ter uma mama tão arredondada.

2. Perfil natural
Recoberta com espuma de poliuretano, tem uma projeção leve e não marca que é magra e tem pele fina. Ela é indicada para quem tem pouco tecido e não que ter uma mama tão arredondada.

3. Perfil alto
Redonda, ela é uma das próteses mais usadas, pois projeta, levanta e aumenta a mama. Indicada para quem pretende erguer suavemente o colo.

4. Cônica
O formato é indicado para quem tem flacidez moderada nas mamas, pois ajuda a levantá-las.

5. Perfil baixo
Dá menos projeção, mas possui uma base maior, o que enfatiza o colo e deixa os seios mais próximos um do outro.

Atenção!

Procure um médico autorizado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. A lista com todos os cirurgiões habilitados do país está no site da entidade. Informe-se sobre o especialista e verifique se é possível fazer o pagamento em parcelas. Certifique-se de que o médico fará a intervenção em um hospital bem equipado e com bons profissionais.

*preço pesquisado em outubro/2010